Médico é preso acusado de manter paciente em cárcere privado



PORTO VELHO, RO - A Polícia Civil do Rio prendeu, na tarde desta segunda-feira (18/7), um médico suspeito de manter uma paciente em cárcere privado em um hospital particular de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

De acordo com o G1, a família da mulher contou à polícia que ela estava presa na unidade de saúde havia dois meses, devido a intervenções estéticas que deram errado.

O caso aconteceu no Hospital Santa Branca, e o cirurgião plástico Bolívar Guerrero Silva foi levado por agentes da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Caxias.

Segundo denúncias de parentes, a barriga da vítima necrosou após a cirurgia, e o médico e sua equipe estariam impedindo que a mulher fosse transferida para outro hospital. O caso é investigado.

Resistência da unidade

Ao chegar na unidade, a polícia foi recebida pela advogada do hospital que alegou que a paciente estava sedada. Segundo o G1, os agentes entraram mesmo assim e constataram as péssimas condições da paciente.

O pedido de prisão do médico, que também administra o hospital, foi concedido pela Justiça do Rio. Outros possíveis casos envolvendo Bolívar também serão investigados.


Fonte: Metrópoles
Médico é preso acusado de manter paciente em cárcere privado Médico é preso acusado de manter paciente em cárcere privado Reviewed by REDAÇÃO on julho 18, 2022 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.