Governo lança Chamamento Público para credenciar novos restaurantes com o “Prato Fácil”, em Rondônia

 

Proprietários de restaurantes devem estar atentos ao prazo para renovar contrato ou credenciamento para servir refeições

Com a proposta de manter o atendimento do Programa “Prato Fácil”, nos restaurantes credenciados, bem como expandir para outros estabelecimentos nos municípios de Ariquemes, Cacoal, Guajará-Mirim e Ji-Paraná; o Governo do Estado lançou o Chamamento Público – 027/2022, no portal da Superintendência Estadual de Licitações – Supel, para renovação dos contratos e credenciamento de novos estabelecimentos.

Os proprietários interessados deverão se candidatar até as 9h do dia 5 de janeiro de 2023, acessando o portal: www.rondonia.ro.gov.br/supel, onde deverão ser observadas as condições e especificações técnicas para o fornecimento de refeições nutricionalmente adequadas à população em vulnerabilidade, no Estado de Rondônia, inscritas no Cadastro Único do Governo Federal – CadÚnico, conforme quantitativos estipulados. Ao todo, cada município deverá disponibilizar 300 refeições diárias; distribuídas pela quantidade de fornecedores credenciados.

A Seas alerta aos proprietários de restaurantes que desejam participar da sessão de abertura para que estejam até as 8h30 do dia 5 de janeiro na recepção do edifício sede da Supel para o credenciamento.

A documentação necessária ao credenciamento pode ser enviada para a Supel, na Avenida Farquar, 2986, Palácio Rio Madeira, Edifício Rio Pacaás Novos, 2° andar, Bairro Pedrinhas, em Porto Velho ou no formato PDF via e-mail: celsupelchamamentos@gmail.com

“Nossa intenção é ampliar o número de restaurantes credenciados para que mais pessoas recebam alimentação, de forma digna, pagando R$ 2”, pontuou o governador Marcos Rocha.

Atualmente têm-se credenciados ao programa três restaurantes em Ariquemes, onde até dia 22 de dezembro foram servidas 64.652 refeições; um em Cacoal (59.179), dois em Guajará-Mirim (67.204) e dois em Ji-Paraná (53.175).

Idealizado pela Secretaria de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social – Seas, o Prato Fácil foi implantado em maio de 2021 e já serviu mais de um milhão de refeições nutritivas, ao custo de R$ 2, nos 18 restaurantes credenciados, em seis municípios rondonienses, incluindo Porto Velho e Vilhena. O complemento do valor do prato feito ou marmitex é realizado pelo governo com recursos do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza – Fecoep.

Fonte: Secom - Governo de Rondônia

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu