Pix automático e agendado devem ser novas funções da ferramenta em 2023

 O Pix Automático permitirá que os usuários usem a ferramenta para programar pagamentos recorrentes, como os de contas de luz. (Foto: © Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

O PIX deve ter novas funções em 2023, como o pagamento de contas em débito automático e agendado, e transferências internacionais, de acordo com o Banco Central (BC). Existem 536,9 milhões de chaves cadastradas para 140 milhões de usuários. As informações foram publicadas neste sábado (24) pelo jornal O Globo.

O Pix pode ser usado para pagar boletos ou substitui-los, com as funções QR Code ou "Copia e Cola". O Pix Automático permitirá que os usuários usem a ferramenta para programar pagamentos recorrentes, como os de contas de luz, água, telefone e internet.

De acordo com estudo feito pela consultoria ACI Worldwide, citado pelo BC, o sistema do PIX gerou economia de US$ 5,7 bilhões (quase R$ 30 bilhões) para empresas e consumidores em 2021. A economia deve ser de até R$ 195,7 bilhões até 2026.

As novas funções devem atrair ainda mais interesse, afirmou Ângelo Duarte, chefe do Departamento de Competição e de Estrutura do Mercado Financeiro (Decem) do BC. "Em 2023 e 2024, o foco será sobre o desenvolvimento de novas funcionalidades para incrementar a segurança do Pix e um novo produto, o Pix Automático, que aumentará a eficiência e democratizará o acesso de pessoas e empresas ao débito automático".

Fonte: Brasil247

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu