Site oferece US$ 1 mil para pessoas assistirem aos 10 filmes de “Velozes e Furiosos”

Site oferece US$ 1 mil para pessoas assistirem aos 10 filmes de “Velozes e Furiosos”

Objetivo da iniciativa é rastrear danos de cada acidente de carro que ocorre na franquia cinematográfica, incluindo o próximo “Fast X”, que estreia em 19 de maio

Porto Velho, RO - Um site financeiro está oferecendo US$ 1.000 a uma pessoa que conseguir dedicar duas semanas para assistir a mais de 20 horas da saga de filmes “Velozes e Furiosos”.

FinanceBuzz, uma plataforma informativa que oferece dicas e recomendações relacionadas a dinheiro, está procurando um “avaliador de reclamações de Velozes e Furiosos” para assistir a todos os 10 filmes da franquia de ação estrelada por Vin Diesel, que lançou sua primeira parcela em 2001.

“F9: The Fast Saga”, a nona parcela da franquia, por exemplo, arrecadou mais de US$ 400 milhões após seu lançamento em 2021.

O objetivo da iniciativa é rastrear os danos de cada acidente de carro que ocorre nos filmes, incluindo o próximo “Fast X”, que estreia em 19 de maio.

O vencedor do concurso terá a tarefa de anotar todos os acidentes que resultam em danos, sua extensão e quais carros estão envolvidos.

“Como bônus, você receberá uma educação saudável sobre o valor da família”, disse a empresa em um comunicado à imprensa, com um aceno para o conhecido tema da franquia.

O FinanceBuzz diz também que quer saber se o número de naufrágios na tela aumentou ou diminuiu ao longo da história da série.

O site pretende usar as informações para estimar o impacto do seguro da direção imprudente da franquia global de bilhões de dólares, de acordo com a descrição do trabalho. A empresa destaca que incluirá as notas do vencedor em uma próxima história.

Para se qualificar ao trabalho, o candidato selecionado deve ser capaz de alugar ou transmitir filmes em casa e assistir a “Fast X” em uma sala de cinema.

Os residentes nos EUA podem se inscrever até 19 de maio, e o vencedor será anunciado até 26 de maio, anunciou o FinanceBuzz.

Fonte: CNN Brasil

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu