Sintero discute com TJ/RO sobre pagamento do precatório aos professores

Editors Choice

3/recent/post-list

Geral

3/GERAL/post-list

Mundo

3/Mundo/post-list
SEMPRE NO AR

Sintero discute com TJ/RO sobre pagamento do precatório aos professores


Porto Velho, RO - O Sintero acompanhado de representantes da categoria esteve nesta quarta-feira (16/08) em reunião com o juiz auxiliar do Tribunal de Justiça de Rondônia (TJ/RO), Ilisir Rodrigues, para discutir sobre o pagamento do precatório oriundo da ação do salário-mínimo dos/as professores/as.

Assim, como nas reuniões anteriores, o sindicato argumentou que a expectativa da categoria é grande pela finalização da atualização de cálculos e solicitou esclarecimentos sobre o andamento do trabalho realizado pelo setor de precatório.

O juiz argumentou que o setor tem se dedicado exclusivamente à resolução desta demanda, mas que a escassez de contadores dificulta a agilidade do processo. Apesar disso, garantiu que o procedimento está avançado e que há uma probabilidade positiva de entregar o resultado dos cálculos na primeira semana de setembro.

Todavia, Ilisir Rodrigues ressaltou que, seguindo os trâmites burocráticos impostos pelo judiciário, o pagamento não será feito de forma automática, pois necessita passar pela avaliação do Estado. Inclusive, o TJ/RO enfatizou que necessitará da parceria do Sintero novamente para que os primeiros lotes de pagamento sejam feitos aos casos de prioridade.

A presidenta do Sintero, Lionilda Simão, destacou que o sindicato possui ciência do trâmite e fará a intervenção necessária para acelerar a situação junto ao Estado de Rondônia. Também se comprometeu em auxiliar o TJ/RO no que for possível quanto ao pagamento, uma vez que, o precatório beneficiará mais de 7 mil professores/as.

“Foi apresentada na reunião uma previsão otimista da atualização dos cálculos. Queremos ressaltar que continuaremos acompanhando o processo e tomaremos todas as providências pertinentes para assegurar que o pagamento ocorra o mais breve possível. Por isso, pedimos aos nossos filiados e filiadas para que continuem acompanhando nossos canais oficiais, onde são postadas todas as atualizações sobre o assunto e para que confiem na atuação do sindicato”, disse Lionilda Simão.

Fonte: Sintero

Postar um comentário

0 Comentários