Confira as propostas dos candidatos ao Governo de Rondônia durante o debate na RedeTV!



Candidatos ao Governo de Rondônia durante o debate na RedeTV! — Foto: Diário da Amazônia

O Diário da Amazônia exibe abaixo apenas as falas de propostas ditas pelos candidatos ao Governo de Rondônia


Os candidatos ao Governo de Rondônia debateram ideias e projetos sobre saúde, economia, segurança pública entre outros anseios de Rondônia. O debate foi transmitido ao vivo pela RedeTV! e em multiplataformas do Grupo SGC, na noite desta sexta-feira (9).

Ao fim da matéria você pode conferir a entrevista na integra.

Antes de tudo, no primeiro bloco, cada candidato teve dois minutos para cumprimentar o público e responder a pergunta: Por que deseja ser governador de Rondônia?

O Diário da Amazônia exibe abaixo apenas as falas de propostas ditas pelos candidatos ao Governo de Rondônia.
Na ordem do sorteio, confira as considerações iniciais de cada candidato:

Pimenta de Rondônia (PSOL)

“Por entender que ao longo dos anos vi passar vários governadores e não atenderam a classe dos menos favorecidos, sou conhecedor da classe trabalhadora, vou trabalhar para combater a fome, a pobreza, o meio ambiente, a saúde, a educação e a segurança pública. Quer gerar emprego e renda. O nosso compromisso é com bacias hidrográficas, com os mananciais e com as matas ciliares”.
Marcos Rogério (PL)

“Eu enxergo um estado sofrendo por falta de um governo eficiente, governo que cuida das pessoas. Precisamos de encaminhamento de recursos importantes para ajudar as pessoas, ajudar Rondônia a ter um ambiente melhor para os rondonienses, na área da saúde, da educação, do saneamento básico”.

Comendador Val Queiroz (AGIR)

“Eu conheço a necessidade do povo rondoniense, tanto da área urbana quanto da rural, e assim nós vamos fazer um projeto, vamos trabalhar juntos para minha querida Rondônia”.

Coronel Marcos Rocha (UNIÃO)

“Conheço muito bem os problemas e potencialidade do nosso estado, agora é a hora que precisamos da continuidade”

Daniel Pereira (SOLIDARIEDADE)

“Pelo trabalho que nós já fizemos, mas com muita humildade, muito compromisso”

Léo Moraes (PODEMOS)

“Por entender que nosso estado passa por diversas dificuldades, nosso estado é rico mas que não realiza entregas, temos problemas na infraestrutura, na segurança pública. Governar é a arte de delegar, de cobrar resultados. E para isso precisa ter uma grande virtude, que é gostar de gente, ter cheiro de gente, eu acredito muito que sou vocacionado a isso, me preparei para isso”.
Confira as propostas:

Pimenta de Rondônia (PSOL)

“Nós iremos, como Governador do Estado, regulamentar o fundo cultural e fazer o repasse que é 1% para a cultura do estado. Mas nós iremos construir estádios de futebol, também, e amparar os nossos atletas”.

“Nós iremos criar em sintonia com os municípios áreas de lazer. Então lazer nós vamos fazer seguido com o turismo”.

Marcos Rogério (PL)

“Porto Velho vive o drama da nossa Jorge Teixeira, uma disputa entre veículos e carretas. […] No nosso governo nós vamos pavimentar o anel viário aqui de Porto Velho, tirar o tráfego pesado melhorando a mobilidade na Av. Governador Jorge Teixeira. A 420 nós vamos pavimentar de Nova Mamoré até o distrito de Nova Dimensão. Nós, também, vamos fazer a conexão de Nova Dimensão até o distrito de União Bandeirantes. E de União bandeirantes até a 364 asfalto”.

“Nós vamos atuar firme para tirar a população da fila dos hospitais. Vamos aplicar o programa ‘Saúde Já’, fazer um chamamento a toda a rede do estado, municípios e rede privada, para zerar a fila da regulação. Além disso, vamos trabalhar na regionalização dos hospitais”.

“Saneamento básico é um tema central que nós vamos priorizar. E vou abrir a caixa-preta da Caerd. A única coisa que a Caerd entrega com eficiência é a conta para o consumidor”.

“Rondônia vive um drama da segurança pública, os índices de violência só vêm crescendo, temos problema com a segurança de fronteira e segurança no campo. No meu governo teremos polícia na rua, bandido preso e povo vivendo em paz. Vamos aumentar o efetivo de quem enfrenta a violência, colocar a polícia nas ruas nos campos. E no meu governo também quero criar o batalhão de polícia rural”.
Comendador Val Queiroz (AGIR)

“Pessoas esperando por ressonância magnética, para fazer uma cirurgia, pessoas morrendo na fila dos hospitais esperando por consultas e exames, isso é inadmissível. Pessoas vindo do interior para a capital para fazer hemodiálise, isso é revoltante. Isso vai acabar na hora que nós assumirmos o Governo de Rondônia”.

Coronel Marcos Rocha (UNIÃO)

“Vamos continuar avançando e através da educação ambiental que nós criamos dentro da própria Sedam, nós temos apoiado o nosso homem do campo para que ele não incorra em ilícito. É um trabalho que a gente não para e que vamos continuar seguindo em frente”.

“Nós temos um local adequado para criar aqui no nosso estado um grande ginásio, onde todos os eventos, festivais poderão acontecer, enfim, implantamos, inclusive, a pesca esportiva para promover e trazer pessoas para nosso estado”.

“Nós abrimos pelo estado dez poços artesianos novos que estão levando água tratada para nossa população. Nós reabrimos todas as obras do Pac que estavam perdidas, vamos dar sequência”.

“No nosso governo nós criamos vários projetos, nós temos o João Paulo que vamos reconstruir, que é o hospital de urgência e emergência de Rondônia, que já está inclusive finalizando todo processo de planejamento, nós compramos o hospital de campanha que irá continuar para população. Vamos ter também a reforma do Cosme e Damião”.

Daniel Pereira (SOLIDARIEDADE)

“O primeiro compromisso que assumo aqui. Eu assumindo nós vamos colocar cada um [policiais que estão no CPA] no seu local, sem protecionismo. Nós vamos transformar o batalhão CPA e entregá-lo para que o comando geral possa fazer a segurança da população”.

“A gente tem que acabar com o preconceito em relação às pessoas devido a forma como você nasce que não é uma escolha sua. Não existe ideologia de gênero, existe gênero, o que nós queremos acabar é que um menino que não é tão masculino quantos os outros, não seja agredido, não seja morto por isso. Que uma menina que não seja tão feminina quanto as outras não seja agredida por isso. Todas as pessoas, no meu conceito, são obras-primas de Deus e a gente não tem o direito de continuar com essa política em pleno século 21, que mata as pessoas por uma opção que nem sequer é dela, porque foi a natureza que a fez daquele tipo”.

Léo Moraes (PODEMOS)

“Vamos passar pela educação básica, fundamental e médio. Que nós tenhamos o quanto antes o contra turno, aulas de reforço, escolas em tempo integral. Porque não sair da caixa e ter disciplinas auxiliares, como é o caso de empreendedorismo, administração financeira”.

“Vamos transformar a secretaria de segurança, impedir que o crime se prolifere, hoje não tem estratégia, não tem inteligência. Vamos ampliar a patrulha rural, videomonitoramento, planejamento, capacidade de investir nos profissionais.”

“Inicialmente, de imediato, vamos criar o instituto Terras de Rondon, para discutir a regularização fundiária, as terras devolutas, requerer do Incra terras que pertencem a Rondônia. Assim, conseguimos entregar escritura, posse, segurança jurídica para acessar o crédito, para conseguirem investimento na sua terra, para qualificar o seu produto, para debater sobre trafegabilidade, central de abastecimento, tratar da produção de leite”.

Fonte: Diário da Amazônia
Confira as propostas dos candidatos ao Governo de Rondônia durante o debate na RedeTV! Confira as propostas dos candidatos ao Governo de Rondônia durante o debate na RedeTV! Reviewed by REDAÇÃO on setembro 11, 2022 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.