Vigilância Sanitária fiscaliza estabelecimentos que realizam testes de covid-19 em Porto Velho

Editors Choice

3/recent/post-list

Geral

3/GERAL/post-list

Mundo

3/Mundo/post-list
SEMPRE NO AR

Vigilância Sanitária fiscaliza estabelecimentos que realizam testes de covid-19 em Porto Velho

A ação é de suma importância para o controle da propagação do vírus

Porto Velho, RO - Os profissionais da Vigilância Sanitária da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) de Porto Velho realizaram uma operação de fiscalização em farmácias, drogarias e laboratórios que realizam testes para detecção da covid-19. O objetivo é orientar sobre a obrigatoriedade de notificação compulsória dos casos positivos e negativos na plataforma e-SUS, do Ministério da Saúde (MS).

A iniciativa faz parte do calendário de atuação da equipe de fiscalização, iniciado no começo do ano. Um trabalho realizado pelos fiscais da Divisão de Vigilância Sanitária (Dvisa) e Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS).

Durante a operação, os estabelecimentos que apresentaram irregularidades foram penalizados com multa ou interdição, conforme determina a legislação. Além disso, os profissionais orientaram os estabelecimentos sobre a importância da notificação dos testes de covid-19.

Segundo o gerente da Divisão de Vigilância Sanitária (Dvisa), Ailton Furtado, a ação é de suma importância para o controle da propagação do vírus, uma vez que a falta dos dados de notificações implica diretamente na atuação da rede de saúde na prevenção da doença.

Os profissionais orientaram os estabelecimentos sobre a importância da notificação dos testes de covid-19

“A notificação dos casos de covid-19 é uma obrigação dos estabelecimentos que realizam os testes, seja da rede pública ou privada. A inserção correta dos resultados no sistema permite a adoção de medidas de prevenção e controle de surtos ou pandemia, evitando a disseminação da doença”, explica o gerente.


PREVENÇÃO

A melhor forma de se prevenir contra a covid-19 é a vacina. Em Porto Velho, o imunizante está disponível em todas as unidades básicas de saúde da zona urbana e rural. Confira os locais e horários de imunização clicando neste link.

Segundo o Ministério da Saúde, além da estratégia de vacinação, outras medidas preventivas auxiliam na prevenção e controle do coronavírus. A exemplo de: distanciamento físico, etiqueta respiratória, higienização das mãos, uso de máscaras, limpeza e desinfecção de ambientes, isolamento de casos suspeitos e confirmados.

Fonte: Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Postar um comentário

0 Comentários