“Um Novo Modelo de Gestão” envolve tema de discussão do Seminário sobre Gestão Patrimonial

Editors Choice

3/recent/post-list

Geral

3/GERAL/post-list

Mundo

3/Mundo/post-list
SEMPRE NO AR

“Um Novo Modelo de Gestão” envolve tema de discussão do Seminário sobre Gestão Patrimonial

O estado de Rondônia tem mais de dois mil imóveis espalhados nos 52 municípios

Porto Velho, RO - Com o objetivo de aprimorar a gestão pública patrimonial imobiliária e mobiliária, o governo de Rondônia realiza um seminário sobre “Gestão Pública Patrimonial – Um Novo Modelo de Gestão”. O evento vai acontecer no Teatro Palácio das Artes, com início no dia 27 de maio, às 8h, e estende-se até as 13h30. O seminário terá continuidade no dia 28, conforme programado pela Secretaria de Estado de Patrimônio e Regularização Fundiária (Sepat).

O governador de Rondônia, Marcos Rocha, destaca a importância de investir na qualificação dos servidores públicos e nos investimentos tecnológicos das secretarias, órgãos e autarquias. “Investir em consultorias especializadas em gestão patrimonial visa garantir a normatização e a reestruturação da gestão patrimonial do estado de Rondônia, o que resulta em serviços de qualidade para o cidadão”, destacou.

O secretário da Sepat, David Inácio ressaltou que, o seminário irá proporcionar um espaço de aprendizado e troca de experiências sobre boas práticas e inovações na gestão do patrimônio público. A iniciativa demonstra o compromisso do governo do estado com a eficiência, transparência e modernização na administração dos bens públicos, com o objetivo de atender às demandas da sociedade, promovendo uma gestão patrimonial de excelência.

David Inácio explica que a Sepat é responsável pela gestão patrimonial, coordenando cerca de dois milhões de bens móveis e todos os imóveis públicos de Rondônia, distribuídos em órgãos importantes como educação, segurança e saúde. Além de fiscalizar esses ativos, a secretaria é responsável por destinar os imóveis estaduais para serviços públicos, buscando atender às necessidades dos cidadãos de Rondônia.

A Sepat fiscaliza a utilização dos bens móveis e imóveis

“A missão vai além do gerenciamento burocrático; cabe à Sepat o compromisso fundamental de garantir a correta utilização desses recursos em benefício da sociedade”, afirmou o secretário.

A coordenadora de Patrimônio Mobiliário, Joicilene Saraiva de Lima disse que, a Sepat vem trabalhando e os resultados estão surgindo como a descentralização dos bens móveis implementada pela Secretaria, que representa um referencial na administração pública de Rondônia. “Ao transferir competências para as unidades gestoras, a Sepat promove agilidade, transparência e controle mais eficaz do patrimônio público, fortalecendo a governança e ampliando a competitividade no mercado fornecedor”, afirmou.

A coordenadora de Patrimônio Imobiliário da Sepat, Laura Betânia dos Santos Cavalcante, destacou a importância da inovação tecnológica para o progresso administrativo, e citou a contratação de uma empresa especializada em software, que tem por objetivo automatizar a administração pública, reduzir burocracias e melhorar a eficiência operacional. Tudo em conformidade com os princípios da administração pública, aumentando a eficiência e a qualidade dos serviços públicos.

O Seminário sobre Gestão Patrimonial é direcionado para os gestores do Poder Executivo Estadual.

Programação Seminário Gestão Patrimonial

Postar um comentário

0 Comentários